/Sinteemar

SEM SALÁRIOS, INDÍGENAS, CREDENCIADOS E ESTUDANTES PROTESTAM NA UEM


26/02/2018
00:00:00

SEM SALÁRIOS, INDÍGENAS, CREDENCIADOS E ESTUDANTES PROTESTAM NA UEM

Acadêmicos indígenas, apoiados por aldeias da região, estudantes da Universidade sem Fronteiras, credenciados e servidores da UEM fizeram hoje, 26/2, um dia de protesto, em frente à reitoria e no Hospital Universitário. A manifestação é pelo não recebimento das bolsas-auxílio e auxílios-alimentação e transporte que deveriam ter sido pagos no final do mês passado e que até agora o governo Richa não efetuou.

Alguns indígenas já se encontram em situação de vulnerabilidade social em virtude deste atraso pois, sem dinheiro dessa bolsa, a maioria, que vem de aldeias distantes, não tem como honrar com compromissos básicos como o pagamento do aluguel.

Já os credenciados do HUM, que representam cerca de 30% da força de trabalho no local, também estão com seus vencimentos atrasados e, junto com os demais, foram pedir maior empenho da reitoria para tentar sanar esse grave problema e evitar que o serviço de atendimento à população fique comprometido e que o atraso não aconteça novamente este mês.

Na última quinta-feira, dia 22, o SinteemaR e a Afuem realizaram uma Assembleia conjunta, quando se deliberou por dar apoio irrestrito a todos aqueles que estão sendo afetados diretamente por mais este desmando do Governo que quer acabar com o serviço público. A denúncia do descaso deve ser protocolada no Ministério Público do Trabalho.

 Hoje pela manhã, o vice-reitor da UEM, Júlio Damasceno, recebeu os manifestantes na sala do COU e informou que o atraso está acontecendo em virtude da migração dos dados para o novo sistema de pagamentos, Siaf. 








Endereço: Rua Prof. Itamar Orlando Soares, 357
Bairro: Jardim Universitário
Cidade: Maringá/PR
Cep: 87.020-270

Telefone: (44) 3225-1611
Email: sinteemar@sinteemar.com.br

2015 SinteemaR - Todos os direitos reservados para Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Maringá e Região